Tendo suas atividades iniciadas em 7 de março de 1957, o Colégio Marista São José surge a partir da chegada dos Irmãos ao estado de Minas Gerais, mais especificamente em Montes Claros. Dentre as ações marcantes deste período destacam-se a presença do então presidente, Juscelino Kubitscheck, em sua inauguração solene; a admissão de alunos em regime de semi-internato e a chegada de juvenistas, em 1960. Em 1968, o Colégio abriu as portas às jovens, tornando-se uma Unidade mista e, também, abriram-se turmas do Científico, hoje, Ensino Médio.

Nos últimos anos, tem atuado com foco no desenvolvimento de currículo inovador, permeado por valores como espírito de família, solidariedade e simplicidade. Nesse sentido, são desenvolvidos projetos como os de Internacionalização, que incluem o Programa Bilíngue, o High School e o Intercâmbio Marista; Robótica; Educação Tecnológica; projetos culturais e esportivos, por meio do SETE (Serviço de Escolinha e Treinamento Esportivo) e do SEAC (Serviço de Arte e Cultura); além dos projetos pastorais.

Na perspectiva da proposta educativa Marista, o Colégio dispõe de educadores qualificados pelas formações continuadas e ambiente favorável à aprendizagem, com completa estrutura física, composta por amplas salas de aula; espaços infantis que favorecem o aprender brincando: fábrica de sonhos, sala de música, casa da árvore; laboratório de informática móvel; laboratórios de química, física, biologia e robótica; salas de aulas reformadas para o ensino médio, com recursos tecnológicos de última geração e mobiliário, iluminação, piso, acústica e climatização favoráveis à aprendizagem e à convivência, além de salas de arte e dança.

O Colégio Marista São José de Montes Claros atende, atualmente, cerca de 1.250 estudantes, da Educação infantil ao Ensino médio. Fátima Rodrigues Gonçalves exerce a direção, ao lado de Fernanda Câmara Lopes, vice-diretora Educacional, e Gustavo Silveira Machado, assessor administrativo.