As Orientadoras Educacionais, dos anos iniciais do Colégio Marista São Luís, no espaço da Formação Continuada, na quarta-feira (10 de fevereiro), com o objetivo de assegurar e trabalhar a saúde mental dos professores em tempos de isolamento social e pós pandemia, prepararam um espaço de autoformação entre os professores do 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental.

     Alguns eixos nortearam esse momento reflexivo: a rotina acelerada, o trabalho em casa, o vírus que se encontra em circulação e aspectos da vida pessoal podem gerar condições que comprometem a estabilidade emocional, causando estresse, insegurança, ansiedade e até depressão. Por essa razão, é preciso discutir o assunto, com o intuito de promover atitudes voltadas à prevenção desses males.

     Refletiu-se com os professores sobre a importância da saúde emocional e o quanto a mesma influencia em suas vidas diárias, tanto na esfera pessoal como também na profissional. Reforçamos o cuidado de si e do outro; discutimos estratégias de autocontrole em situações de vulnerabilidade; destacamos o autoconhecimento como forma de identificação das fragilidades e possíveis estratégias pessoais para superação dessas fragilidades e motivamos um engajamento no cuidado mútuo até a volta presencial ao nosso Colégio, momento em que poderemos contar com cada um, servindo de rede de apoio emocional e espiritual, pois cada um se comprometeu nesse cuidado, pontuam as mediadoras desse trabalho, as Orientadoras Educacionais: Mariane Oliveira e Kelciene Lima.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Limpar formulárioEnviar