O Voluntario Estudantil Marista (VEM) é um projeto onde os jovens participantes e estudantes do Colégio Marista São Luís estão sempre em “saída”, ou seja, indo sempre ao encontro dos que mais precisam, assim como já foi falado em um texto anterior, que você pode acessar clicando aqui.

Para manter sua missão, o Voluntariado Estudantil Marista, realizou nos dias 26, e 27 de abril o projeto da entrega de caixas de chocolates para três instituições, todas elas voltadas para crianças.

A primeira ação das caixas de chocolates, no dia 26 foi realizada na Creche Brasil, que fica localizada no IPSEP- Recife, também no dia 26 foram entregues as caixas para o Instituto Nossa Senhora de Fátima, que veio até o Colégio recebê-las. No sábado 27, os chocolates foram entregues no Oratório da Divina Providência e contou com a participação dos Crismandos. Além deles, também estiveram presentes pais dos alunos, funcionários e professores.

Nestes momentos não foram apenas a entrega das caixas, e sim, um momento de reflexão sobre o tempo pascal, também realizou-se oficinas de slime, pintura de rosto e desenhos, além de momentos de lazer com as crianças desses espaços.

Manuela Leão, estudante do 9º ano (F) do Ensino Fundamental, falou um pouco da sua experiência em participar deste momento: – “vê as crianças felizes por receberem a caixa de chocolate, nos deu mais gratidão em dar, do que elas em receber. Perceber que esses momentos nos levam ao encontro do outro e sairmos um pouco de nós”.

Foram arrecadadas cerca de 500 caixas de chocolates doadas pelas crianças do Colégio para essa distribuição. Na quinta-feira, 25 de abril, realizou-se no Oratório da Divina Providência uma oficina de Slime, levando alegria e diversão para as crianças.

A estudante Julia Domingues, do 2º ano (A) do Ensino Médio, expressou: – “foi uma experiência única, poder tornar Jesus Cristo conhecido e amado e leva para o outro um pouco do amor que sinto por Ele. E enxergar no sorriso de cada criança uma gratidão enorme”.

E para finalizar, o estudante Francisco Tadeu, do 9º (E) do Ensino Fundamental, relatou: – “foi uma experiência gratificante, poder enxergar outra realidade bastante diferente da nossa, espalhar o amor de Jesus Cristo, espalhar bondade para o próximo”.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Limpar formulárioEnviar