Nos dias 20 e 27 de março de 2019 aconteceu o Primeiro Encontro de Formação, que se realizou em Moreno-PE, com os estudantes dos 1os anos do Ensino Médio, que teve como tema “a vivência dos valores na construção do bem comum”.

O Encontro de Formação foi dividido em dois dias, para que todos os estudantes dos 1os anos pudessem participar e vivenciar de cada dinâmica da programação. As metodologias e os conteúdos tiveram sempre referências bíblicas para guiar cada momento.

Participar desses encontros leva os estudantes a um crescimento individual no âmbito espiritual e social, levando-os a pensar não somente em si, mas no outro e no bem comum. Permitindo que eles realizem uma reflexão sobre seu papel em ser agente transformador e sair do seu lugar para transformar a vida dos que mais precisam, afirma Lúcia e Alves (Agente de Pastoral).

O Primeiro Encontro de Formação de 2019 levou os participantes a vivenciarem um senso de coletividade e fraternidade, sendo sempre instigados a olhar o todo e isso

aconteceu ao longo de todo encontro, através de dinâmicas, oficinas, jogos, partilhas e até mesmo nos momentos de diversão.

O estudante João Vitor Costa Silva do 1º ano E falou um pouco sobre o encontro de formação: “– A oportunidade que o Colégio oferece para os estudantes se unirem mais, não apenas com nossa turma, mas com todas as outras, é bastante importante para estarmos juntos com aqueles que conhecemos e pessoas novas. E o mais importante é sentir o amor de Deus no nosso dia a dia. É um dia leve, de diversão e aprendizado.”

Algumas das dinâmicas realizadas foi o “círculo sentado”, no qual os estudantes tiveram que colocar em prática a unidade com seus amigos e o apoio mútuo “suportai-vos uns aos outros no amor”, ser suporte sempre para o outro.

Outra dinâmica foi mobilizada pela figura do coração: como estou por dentro? Como estou por fora? Os estudantes precisaram refletir sobre os sentimentos e valores que estão no seu coração e de como eles os expressam nas suas atitudes, ações e escolhas do dia a dia.

Em outro momento eles executaram a dinâmica construção do corpo, precisaram compreender que cada pessoa é parte de um todo, reconhecer a beleza que existe na diversidade. E a dinâmica coração congelado que finalizou estes momentos levou os estudantes a se questionar e partilhar o que modificou neles ao longo do encontro, o que tocou e o que eles levarão para a sua vida.

Maria Eduarda Falcão Gonçalves do 1º ano D, também deu seu depoimento: “– O encontro de formação no geral foi essencial principalmente para se ter uma relação de convivência com as outras pessoas, de conversar e também de pensar um pouco em si, nas nossas atitudes e escolhas. Esse momento de interação foi de extrema importância para aqueles que são novatos e eu percebi que isso me aproximou bastante dos demais.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Limpar formulárioEnviar