Na sexta-feira, 7 de dezembro de 2018, realizou-se o espetáculo do Auto de Natal, que teve como tema “Gênesis: a criação celebra o criador”. Com o propósito de realizar um Prólogo, no Auto de Natal, pelo fato de trazer à tona, toda a influência, deixada em grande parte da humanidade, pela vinda do Salvador, Jesus Cristo e que perdura até nossos dias e para todo sempre perdurará, segundo suas palavras.

No Prólogo de 2018, foi falado do Primeiro Livro de Moisés chamado Gênesis, segundo a Bíblia, a criação do mundo foi um ato de Deus. Com Suas palavras, Deus formou cada elemento do universo e deu vida a toda criatura. No início da criação, a terra não tinha forma, apenas havia trevas e água caótica e o Espírito de Deus se movia sobre ela. Então, em uma semana, Deus formou o mundo que conhecemos. No sétimo dia, Deus descansou. Ele estava satisfeito, porque tudo que tinha criado era bom. Deus abençoou o sétimo dia e o santificou, porque era o dia de descanso.

Esta é a forma de concretizar as ações dos grupos de arte do Serviço de Arte e Cultura (SEAC) do Colégio Marista São Luís, ocasião em que os estudantes apresentam um grande espetáculo conclusivo de ano letivo, nas diversas modalidades artísticas.

O espetáculo tem por objetivo celebrar a vinda do menino Jesus, através da arte, assim, fazem parte do Auto de Natal: o coral, o balé, a dança contemporânea, a dança popular, o teatro e a música, com a participação dos estudantes da Educação Infantil ao 3º ano do Ensino Médio.


O Auto de Natal foi organizado pelo SEAC, sob as orientações de Djalma Júnior, assistente de arte e cultura, na produção executiva; Rostan Júnior, professor de música, na direção musical; Emmanuel Silva, professor de teatro, na direção executiva; Raphaela França, Anna Karina Seabra e Julcélio Nóbrega, professores de dança, na direção coreográfica.

Hélida Albuquerque Pereira de Lira mãe da estudante de Giuliana Albuquerque Pereira de Lira do 9º ano B do Ensino Fundamental, falou um pouco Apesar de já participar a tantos anos do Auto de Natal, é difícil não se emocionar. São tantos que eu já assisti e participei como mãe, pois são três filhos que já passaram aqui pelo Marista. Minha filha começou aqui na alfa como anjinho e vem participando desde sempre, e a cada ano a emoção de vê-la participar se renova. É sempre diferente e lindo.  A mensagem que é passada é sempre o mais importante. A dedicação dos profissionais, dos participantes e professores. Minha filha ama participar e traz toda a família. E com todo amor venho prestigiar”.

Foi um maravilhoso espetáculo, emocionando todos que estavam presentes no Ginásio de Esportes Champagnat.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Limpar formulárioEnviar