Gestores e colaboradores no lançamento da Semana Pastoral Marista 2019 – Foto: divulgação

A Província Marista Brasil Centro-Norte (PMBCN) lançou, na quarta-feira (6), a Semana Pastoral Marista 2019 (SPM), com a presença dos gestores e colaboradores do Escritório Central, bem como das unidades socioeducacionais, por meio de videoconferência. Neste ano, a novidade ficou por conta da apresentação de duas experiências de vida, condizentes com o tema da SPM – Persista e Insista.

A agente de Pastoral, do Colégio Marista São José – Barra, do Rio de Janeiro (RJ), Fernanda Tolomei, trouxe a vivência em uma organização não governamental, a AdaptSurf, no qual trabalha com a adaptação do surfe, na inclusão de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Já o ex-aluno, da Escola Marista Champagnat Terra Vermelha, em Vila Velha (ES), Marlon da Silva, levou para o lançamento da SPM 2019 a oportunidade que a educação oferece ao ser humano de se tornar um cidadão digno de direitos e deveres. Essas duas experiências demonstram que a transformação acontece por meio de atitudes, e que transformar a realidade é uma tarefa diária e possível – o que condiz com o lema da SPM, “mudar o mundo não é utopia, é justiça” (Dom Quixote).

No arcabouço das atitudes, a Coordenação de Evangelização, da Superintendência de Missão, à frente das ações da SPM 2019, que acontecerá entre 18 e 22 de fevereiro, elencou dez atitudes do bem, para serem trabalhadas com as infâncias, durante o período da Semana: amor, perdão, amizade, justiça, solidariedade, empatia, gratidão, respeito, cuidado e bondade. Todos estes elementos sugerem a transformação que Dom Quixote diz ser possível para um mundo melhor.

Para tratar da temática, o professor de História de Cultura Religiosa, do Colégio Marista Dom Silvério, de Belo Horizonte (MG), Harethon Domingos, abordou direitos humanos e sociedade, em consonância com as leis e as constituições, religião e doutrina e os direitos da natureza.

De acordo com o gestor da Coordenação de Evangelização, Ir. Paulo Henrique Soares, o lançamento da SPM 2019 leva em consideração a análise da conjuntura mundial, ao propor a transformação por meio de gestos e atitudes diárias de persistência e insistência. “Somente desta forma podemos mudar a realidade, e levar esta temática para dentro dos espaços escolares é plantar a semente nas crianças, adolescentes e jovens, que, de fato, podem ser a mudança para as próximas décadas”, declarou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Limpar formulárioEnviar