No último dia 10 de dezembro, terminou a Assembleia Províncial, em Mendes (RJ). Antes de partirem para suas cidades de origem, os Irmãos, leigas e leigos convidados prestaram depoimentos, falando da emoção e do aprendizado adquirido durante os dias de encontro. Confira, abaixo, as mensagens deixadas por eles:

Depoimentos dos participantes da VI Assembleia Provincial

Ir. Edvaldo Ferreira (Comunidade Marista de Taguatinga/DF)

“Foi um momento muito intenso de partilha de vida e sonhos. Nossa fraternidade se deu na convivência, nos debates, nos reencontros. Foi enriquecedor a presença de leigas e leigos e jovens em nosso meio. Parabéns pela organização e boa condução dos trabalhos”.

Ir. Antônio Ramalho (Comunidade Marista de Fortaleza/CE)

“Uma Assembleia muito bem preparada, na qual todos se entregaram de coração, com grande senso de responsabilidade e fraternidade. O espaço e qualidade das celebrações ajudou muito a construir o bom espírito e a convergência de prioridades que vivenciamos, culminando com a peregrinação à casa de nossa Boa Mãe, em Aparecida”.

Maria Manuela Suassuna Quintas Lopes (Superintendente de Missão no Escritório Central)

“Gratidão pela oportunidade de viver dias de convivência fraterna e cultivo à espiritualidade. Coroar o encerramento da Assembleia testemunhando a renovação dos votos dos Irmãos e entregando nossa vida e nosso futuro à Nossa Senhora Aparecida foi um momento verdadeiramente sublime. Obrigada a todos (as). Continuamos em oração pelo Capítulo!”.

Ir. Roberto Lima (Comunidade Marista de Balsas/MA)

“Somos Faróis de Esperança a Luz de Jesus Cristo. Foi uma Assembleia com Espírito de Comunhão Fraterna. Espírito de harmonia, em que o Espírito Santo pairou entre cada um dos participantes. As celebrações somaram e inspiraram, nos concedendo sabedoria divina. A nossa peregrinação à Aparecida foi um momento muito especial em profunda intimidade com Deus e nossa Mãe”.

Ir. José de Assis Elias de Brito (Comunidade Marista de Natal/RN)

“Estamos vivendo um tempo de ação de graças. A metodologia permitiu espaço a todos! As prioridades avançaram imensamente, e a ida a Aparecida foi linda, cheia de significados. Coração abastecido! Vivemos um clima muito fraterno. Deus seja louvado!”.

Eveline Morelli Lima (diretora do Colégio Marista São José – Tijuca/RJ)

“Agradeço imensamente o convite e o privilégio de ter participado de um momento tão significativo. Quanta fraternidade, aprendizado, leveza, alegria, um convívio maravilhoso e único. Parabéns a todos pela organização e felicíssima ideia na escolha da metodologia utilizada. Produzimos muito! Momentos maravilhosos de mística, fechando com chave de ouro em Aparecida. Muitas luzes do Espírito Santo para todos os Irmãos Capitulares!”.

Joséh Elizando (formando Marista)

Gratidão pela acolhida durante esses dias. Agradeço a todos os irmãos, leigos e leigas e os colaboradores de Mendes. Foi um espaço de convivência e fortalecimento do sentido a ser família Marista no âmbito global.  Pelas palavras do Ir. Óscar: o futuro é a comunhão. Esses dias pude sentir a unidade e comunhão de todos. Que possamos ser pontes, pois o ‘futuro está além das fronteiras’”.

Rafael Falcão (ex-aluno Marista)

“Como jovem e Marista de coração, minha sincera gratidão e fraterna amizade por todos que constituem a família PMBCN.  Estar entre vocês, em alegre convivência, muito me honra! São Marcelino Champagnat vibra com a vitalidade e fraternidade de nossa missão. Posso, convictamente, afirmar: ‘Vede como eles se amam!’. Continuemos juntos, na comunhão do serviço, tornando Jesus Cristo conhecido, seguido e amado, através de uma educação virtuosa, evangelizadora e cidadã! Que Maria, nossa Boa Mãe, recurso habitual e que tudo fez entre nós, seja também nosso farol de esperança! Somente com o coração livre e ardente, como o dela, encontraremos o novo”.

Esmeraldina Laurinda da Silva (Colégio Marista Palmas/TO)

“Como leiga, agradeço a oportunidade de participar da vida marista assim também, por meio da Assembleia, pude ouvir e ver coisas que mexem e agradam o coração, como é o caso das reflexões para chegar às sugestões de prioridades do triênio. Destaco a presença do padre Fabiano como uma grande riqueza da Assembleia, pelo jeito dele conduzir as celebrações e o carinho dele para com os Irmãos Maristas, me fez emocionar várias vezes. Destaco, também, o olhar carinhoso da equipe organizadora quando pensou em levar o grupo em Aparecida, a casa da nossa Mãe, o lugar onde buscamos confirmação daquilo que queremos”.

Jefferson Bonomo (formando Marista)

Agradeço a oportunidade de participar de minha primeira Assembleia Provincial. Foi um tempo de unir-me à nossa comunidade provincial e caminhar como irmãos e irmãs. Tempo de reconhecer sonhos comuns e alimentar a esperança! Tempo de identificar nossa diversidade e se deixar provocar por isso. Tempo de reconhecer a fragilidade e a força de nossa fraternidade e cuidar de nossa relação de irmãos, leigos e leigas! Tempo de ampliar os horizontes! Por fim, oportunidade de colocar tudo isso sob o olhar da Boa Mãe Aparecida. Gratidão!”

Luana Abreu (estudante Marista)

“Gratidão sem tamanho poder participar dessa Assembleia tão iluminada em nome das Juventudes Maristas da Província Brasil Centro-Norte. Obrigada a todos que possibilitaram este encontro e me acolheram com tanto cuidado e fraternidade. Que caminhemos juntos, cada dia mais, para a construção de um Marista como Champagnat sonhou”.

Eklaydja Farias (Vice-diretora educacional do Colégio Marista de Surubim/PE)

“Encantamento é meu sentimento. Orgulho de fazer parte de uma instituição tão inovadora, com uma missão tão bonita. Obrigada pelo convite. Parabéns pela organização e cuidado”.

Ir. Danilo Silva (Comunidade Marista de Colatina/ES)

“Irmãos, obrigado pelo cuidado com nosso carisma e fraternidade. A Assembleia foi o caminho mais claro nestes dias de aproximar de Jesus, Maria, José e Champagnat e de nossa missão. Que possamos incendiar cada vez mais a luz, pois quem acende uma luz é o primeiro a beneficiar-se da claridade”

Ir. Iranilson Correa de Lima (Colégio Marista de Belém/PA)

“O clima harmonioso e de fraternidade. A vivência e a convivência de irmãos, leigos e leigas reforçando o sentimento de pertença e corresponsabilidade. Toda infraestrutura, organização e momentos celebrativos foram ricos de sentido e contribuíram para que tudo ocorressem de forma excelente”.

Ir. Humberto Lima Gondim (Comunidade Marista de Maceió/AL)

“A Assembleia foi riquíssima pela construção conjunta como deve ser nossa caminhada no cotidiano, em que cada um pode colocar sua contribuição na fraternidade e simplicidade.  Desta forma, de fato, fomos construindo e construiremos a fraternidade que sonhou São Marcelino Champagnat, e que desejamos”.

Ir. Maicon Donizete (Comunidade Marista de Fortaleza/Maraponga – CE – Postulado)

“A Assembleia construiu-se num grande espírito de fraternidade, de pertencimento e de corresponsabilidade pela missão institucional. Parabéns a todos que participaram e deram sua significativa contribuição para a realização deste histórico momento”.

Ir. Euzébio Leite (Comunidade Marista do Araçagy/MA)

“A Assembleia foi um grande convívio fraterno de Irmãos, leigas e leigos. Um espaço harmonioso, de vivência espiritual e muita humanização”.

Ir. José Nilton Dourado (Comunidade Marista de Taguatinga/DF)

“O construir coletivo gerou um senso de pertencimento muito grande e a visita ao Santuário nos trouxe uma leveza espiritual incomparável, acredito que seja pelo simples fato de ser a Mãe. Casa e colo de mãe são sempre bons. Parabéns a todos”.

Ir. Alberto Aparício (Secretário-executivo da Região América Sul)

“Que oportunidade tão linda de nos colocarmos abaixo da proteção de nossa Boa Mãe, e também aos 15 anos da Província. Que honra, também, ter renovado os Conselhos Evangélicos com vocês em um Santuário tão maravilhoso”.

Jefferson Luiz Clemente de Oliveira (Gerente Socioeducacional)

“Ter a oportunidade de, como leigo, viver tempos tão ricos de espiritualidade e testemunhos do nosso carisma e, ao final, coroar com as bênçãos da Boa Mãe Aparecida foi sensacional, divino, sublime”.

Alair Bento dos Santos (diretor do Colégio Marista Nossa Senhora da Penha/ES)

“As relações fraternas que se estabeleceram desde a preparação da Asssembleia Provincial fizeram dela um farol de esperança para vivenciar bem a vida marista compartilhada entre Irmãos e leigos, exercício autêntico de governança no modo cristão católico de viver e exercitar a missão marista. Minha palavra é gratidão, pois sendo tão pobre eu me senti honrado com o convite para refletir, vivenciar e celebrar esse tempo de graça na vida da Província Marista Brasil Centro-Norte”.

Ir. Joaci Pinheiro de Sousa (Comunidade Marista de Iguatu/ CE)

“Uma Assembleia para ficar na história! Parabéns aos organizadores e a todos nós. A presença dos Leigos e das Leigas foi significativa e nos enriqueceu em muito! Nossa fraternidade pode ser um sinal profético!”

Ir. Maurício Dantas (Comunidade Marista de Maceió/AL)

“A nossa Assembleia foi um espaço de vivência da espiritualidade Marista e de construção de sonhos para a caminhada da nossa província. Celebrações significativas que nos levaram a uma maior intimidade com o criador”.

Márcia Sousa (leiga do Movimento Champagnat da família Marista)

“Essa Assembleia foi um momento muito rico de vivência e partilha. Ter a oportunidade de conviver esses dias com Irmãos e leigos fortalece nossa vontade de seguir na missão. A metodologia empregada foi eficiente, prática e leve. Parabéns a todos que se dedicaram em sua preparação e execução”.

Ir. Claudino Falchetto (Comunidade Marista de Patos de Minas/MG)

“A presença aos pés da Boa Mãe Aparecida foi o coroamento da Assembleia. Sua benção é o aconchego que não nos falta em momentos como esse”.

Ir. Eduardo D’Amorim (Comunidade Marista de Surubim/PE)

“O segredo do grande sucesso da nossa Assembleia foi sem dúvida a metodologia empregada. O professor Ricardo foi muito feliz, pois além de ter conteúdo, tem uma didática leve, freiriana. Fala fácil, sem rodeios”.

Maria Goretti (leiga, diretora do Colégio Marista de Colatina)

“A nossa Assembleia foi assim, um movimento de cada um de nós, seguindo para a mesma direção. Simplesmente fomos irmãos, na simplicidade, na escuta, nas partilhas e no convívio. Agora, é ajustar as velas, e seguirmos, juntos, pois, que faz andar o barco não é a vela enfunada, mas o vento que não se vê”.

Ir. Pedro Jadir (Comunidade Marista de Aracati/CE)

“Tempo de viver e resgatar entre Irmãos e leigos a esperança de que vale apena ser farol de esperança na vida de tantas pessoas. Parabéns por nossa fraternidade!”.

Ir. José Sotero (Comunidade Marista de Patos de Minas/MG)

“Com uma metodologia leve e profunda, os trabalhos foram conduzidos com maestria. O processo foi rezado, refletido e dialogado. Realmente nossa fraternidade é sinal de esperança”.

Ir. Joares Pinheiro de Sousa (Comunidade Marista de Belo Horizonte/MG – Juniorato Champagnat)

“Uma extraordinária experiência de fraternidade e um espaço de se viver profundamente a espiritualidade.  Como é fácil perceber a riqueza que se vive e como é grande a perda de quem não vêm a uma assembleia dessa. Obrigado Irmãos que organizaram e coordenaram”.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Limpar formulárioEnviar