O Professor Lucas Lima Coelho, coordenador da Área de Ciências Humanas do Colégio Marista Águas Claras, dá dicas para nossos estudantes se prepararem para a prova do ENEM.

  • As Ciências Humanas geralmente estabelecem diversas relações entre os conteúdos que são trabalhados. Esteja atento à descrição de fatores ambientais e socioeconômicos contidos dos textos da prova que você irá prestar.
  • Em termos gerais, desde sua primeira edição, o Enem costuma aborda dois grandes pilares das Ciências Humanas: o exercício da cidadania e dos direitos humanos.
  • Utilize alguns minutos diários para ler as manchetes e depois as notícias que chamem sua atenção. Dê ênfase a temas como os conflitos geopolíticos atuais, o meio ambiente, as mudanças climáticas, as migrações e a economia.
  • Debata com colegas temas ligados às Atualidades. Dessa maneira, se você conseguir explicar para outras pessoas, terá um indicativo do seu conhecimento a respeito do assunto.
  • Você já viu o tamanho da cidade de Los Angeles via imagem de satélite? Conheceu a exposição mais recente do museu do Louvre, em Paris, virtualmente? Tem ideia de como é a rede urbana da Coreia do Norte? Vivencie realidades diferentes da sua, procurando entender as dinâmicas espaciais que ali existem. A Internet está cheia de museus virtuais e ferramentas como o Google Earth e Google Street View que permitem que você conheça outros modos de vida e relações humanas.
  • Faça resumos e sínteses de temas, conceitos ou fenômenos, definindo primeiro o seu significado e depois sintetizando suas consequências para o estudo de uma determinada área. Procure autores que abordem esses conteúdos para fundamentar sua argumentação.
  • Utilize mapas conceituais para facilitar a leitura de fenômenos por meio da visualização. Na Internet existem vários modelos de mapas conceituais que você pode montar para melhorar sua aprendizagem.
  • Há um ditado que diz que não se debate política e religião. Para as Ciências Humanas esses temas são centrais, então esteja alerta a eles. Discursos, acordos econômicos, novidades tecnológicas, ameaças, relações étnicas e sociais sempre balançam países interna e externamente.
  • Nos últimos anos, a tendência é de que as provas externas, como o ENEM, o PAS e os vestibulares sejam cada vez mais interdisciplinares, ou seja, mesmo questões de áreas que aparentemente não se comunicam podem ter diversas relações.
  • Num mundo em que as notícias falsas (fake news, em inglês) são cada vez mais difundidas pelas redes sociais, não aceite de imediato todos os dados e informações que são divulgados. Procure encontrar a origem das informações recebidas e outras fontes em sites confiáveis. Com relação aos temas polêmicos e de debate constante nas ciências, procure conhecer as diferentes linhas de pensamento na qual se baseia o debate.
  • Quais são os impactos socioculturais gerados quando um filme sul-coreano como Parasita ganha o Oscar? Quem foi Charles Chaplin e por que suas obras cinematográficas são tão importantes para as Ciências Humanas? Assistir a filmes clássicos e de diversos gêneros pode contribuir para a ampliação da nossa visão de mundo. Com os serviços de streaming e plataformas como o YouTube isso ficou cada vez mais fácil!
  • Muitos estudantes têm o hábito de decorar determinados conteúdos previstos para a prova sem refletir a respeito deles. Cada vez mais, o ENEM e outras provas têm utilizado esses conteúdos para a resolução de problemas, então não adiantar decorar, procure entender e, caso tenha dúvidas, procure seu professor.
  • No Enem, as provas de Ciências Humanas costumam exigir bastante da interpretação de textos, então, também invista seu tempo em Gramática, Literatura e Redação.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Limpar formulárioEnviar